.

7 de jun de 2012

Edredom "detonado" ganha reforma e vai novinho pra cama!

Olá, criativo(a)!

Reciclagem não é só uma palavrinha que está na moda, é uma ação que pode ser transformadora. Mais do que ecologicamente correta, a reciclagem traz economia. E não é só "coisa de pobre", como dizem as piadas de programas humorísticos. É coisa de gente consciente e criativa.
Troca de forro de edredom - reforma - customização - reciclagem
(Projeto de novo forro para o edredom, em andamento...)
Aproveitando o friozinho chuvoso de hoje, vou mostrar que um edredom com o forro muito rasgado pode ser recuperado:

Estou falando daquele edredom de forro de TNT, que é chamado de soft e que está impossível de ser usado!!!

Troca de forro de edredom - reforma - customização - reciclagem
(Jogar fora?...Ainda não!  - Vai para a reciclagem de edredom)


O edredom dupla face - que é feito com tecidos de qualidade de ambos os lados - é o melhor. Mas, se como eu, você comprou um soft e com poucas lavagens ele ficou com o forro "detonado", com a manta acrílica toda para fora, é só trocar o forro que ficará novinho!

Edredom em bom estado, mas com forro rasgado se renova com forro de  ótima colcha antiga.

Colcha que será o novo forro
Belos detalhes da estamparia da colcha
(Era da minha filha, quando ela era menina... Agora já é uma moça!)
Como faz?

É só retirar os "trapos" do forro deixando a manta acrílica presa no tecido principal, unir o lado direito do edredom com o direito do novo forro (que neste caso é uma antiga e ótima colcha, mas poderia ser lençol e etc...) costurando pelo avesso e deixando um espaço aberto numa das bordas para virar a peça inteira para o direito. Depois fechar a abertura com costura reforçada à mão, ou normalmente na máquina...

E pronto!... Já vai pra cama quentinha!!!


Ótimo feriado!


Atualizando: 

"Terminei a reforma do edredom, que agora só precisa ser lavado para depois ir para o uso. O resultado foi bom, mas confesso que foi um pouco complicado costurar em máquina de costura doméstica. Devido ao volume e peso do tecido, precisei de três agulhas de máquina para concluir o serviço: uma delas (a primeira) entortou tanto, que a ponta quase fez uma dobra!... Aí, a segunda simplesmente quebrou, e, precisei da terceira agulha... (Em vez de usar a agulha convencional, nº 14, que eu tinha em casa, seria mais indicado comprar agulhas nº 16 ou 18.) "


Limara Lis
Alinhavos de Moda

2 comentários:

  1. gostei da dica. meu filho tem um edredon q precisa de reforma, como vou aprender a costurar logo logo aproveito e reformo o edredom tbm. bjos.

    ResponderExcluir